1 de abril de 2015

Congresso do Alentejo apela à independência da zona Sul e aprova bandeira !

 Reuniu ontem em Évora a segunda sessão do Congresso do Alentejo.

Em intervenção muito aplaudida, Miguel Januário apelou à independência da região transtagana, salientando que "já não precisamos de esmolas: temos petróleo, temos agricultura, temos turismo. Temos tudo para não depender de mais ninguém a não ser de nós próprios"

Vários congressistas apelaram à união de todos os alentejanos e alentejanas para criar uma pátria autónoma entre o rio Tejo e a Serra Algarvia, sem esquecer a cidade de Olivença que é "parte integrante do solo nacional alentejano".

O Congresso aprovou ainda a futura bandeira alentejana e elegeu uma Comissão Constitucional para dar início à redacção da Constituição da República Alentejana.

Amanhã será eleita a Comissão Directiva Permanente e enviada uma delegação à Assembleia da República Portuguesa. Um abaixo assinado independentista começará ainda a circular em todas as cidades e vilas alentejanas.

Pode aceder a toda a informação do Congresso veja AQUI)

(in Notícias do Sul)


1 comentário:

  1. Se o Jardim pode por que razão não havemos nós de poder? Ficámos assim a modos que uma ilha terrestre...

    ResponderEliminar

Obrigado pelo seu comentário...